quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Polacas do Cemitério Israelita de Inhaúma Petition

Polacas do Cemitério Israelita de Inhaúma Petition

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

O jornalista Osias Wurman – ex-presidente da Federação Israelita do Estado do RJ (FIERJ) e atual Vice-presidente da Confederação Israelita do Brasil (Conib)- mantem uma Newsletter - NOTÍCIAS DA RUA JUDAICA. Recebi nela essa notícia e respondi abaixo
Um abraço
B.

De: Beatriz Kushnir Enviada em: domingo, 13 de janeiro de 2008 23:55
Para: 'owurman - jornalismo'
Assunto: RES: NOTÍCIAS DA RUA JUDAICA - 13/01/08

Não podemos esquecer que no Rio há 797 lapides de judeus, abandonadas pela própria comunidade judaica. Refiro-me ao cemitério Israelita de Inhaúma.
Se responsabilizamos os vândalos no exterior e queremos sua punição, o que faremos aqui?
Um abraço
Beatriz Kushnir

"ALMAS VIOLADAS
Quatro jovens americanos, com idade entre 15 e 17 anos, foram detidos pela policia de New Brunswick, New Jersey-EUA, como autores da violação de 500 túmulos do cemitério judaico Poile Zedek Cemetery. O ato bárbaro teve inicio na noite do réveillon, e teve continuidade nos dias que se seguiram. A comunidade judaica da cidade de Brunswick ofereceu alta recompensa por informações sobre os autores, o que possibilitou a prisão dos suspeitos. Menores de idade, mas maiores em selvageria. Também na Europa, na Áustria, 25 túmulos judaicos foram violados no Cemitério Central de Viena- setor judaico. Uma verdadeira epidemia de ataques a cemitérios vem ocorrendo nos últimos meses, com destaque para 64 lapides destruídas em outubro no cemitério judaico da Sibéria e 100 túmulos foram grafitados em agosto num cemitério judaico no sul da Polônia, com suásticas e slogans nazistas."